14 janeiro 2007

Correntes

Arrasto as correntes que teci à minha volta.
O seu peso faz com que a foice da morte se aproxime.
A vida é a minha luta, na procura da luz.
Nunca imaginei que a dor pudesse ser mais forte.
A loucura faz-me a paisagem.
Meu Deus, como poderei obter perdão?

19 comentários:

Daniela Mann disse...

...()""()
.("( 'o' )
,-)____)|'--.
"=(o)==(o)='Beijinhos

Miosotis disse...

Um texto intensamente dramático!

A procura da Luz é um caminho longo... mas vale a pena segui-lo.

A melodia é linda! Serena e doce!

bjs de luz

Anónimo disse...

Não basta desejar obter o perdão, é preciso pedi-lo e merece-lo...
não sei se estarás á altura, ou se alguma forma alguns de nós
estaremos porque os caminhos de luz não é para todos de obtê-los.

Ana disse...

Às vezes é bom tentar quebrar as correntes...
Um beijo.

poeta_silente disse...

Querido Daniel!
Discordo TOTALMENTE da colocação deste Anonymous. Nunca perguntes à Deus como vais merecer perdão. Teu Deus já te resgatou. JESUS já te justificou perante o PAI. Portanto, basta dobrares os joelhos, postares as mãos e, arrependido, pedir o perdão a Deus. Com certeza, ELE, na Sua infinita misericórdia, já terá te dado este perdão... no exato momento em que te propuseste a pedí-lo. Com certeza, nosso DEUS está somente esperando que queiramos pedir este perdão...
Alguém perguntou a JESUS: Mestre. Quantas vezes devemos perdoar. Sete? JESUS respondeu. 70 vezes 7 (que significa "infinitamente").
JESUS falou que devemos seguí-Lo. ELE é o caminho, a verdade e a vida. Então, nós também devemos perdoar 70 vezes 7... ou seja... sempre!
o AMOR não cobra... perdoa!
Deus te abençoe!
Miriam

Pink disse...

Texto forte, Daniel. Mas a vida é a busca de luz que vais sempre encontrar!

Um beijo pink :-)

Micas disse...

Subscrevo a palavras da Miosotis, já as palavras do "anónimo" não fazem qualquer sentido, ´quem é aquele que se julga no direito de julgar os outros e de saber quem merece ou não perdão???? esses sim, deviam ter consciência e humildade suficiente para pedir perdão...
Beijo

Luna disse...

As correntes arrastam-nos , mas quando procuramos o perdão estamos no caminho de entendermos o quanto errados somos, e ainda a tempo de acertarmos os ponteiros do relogio.
beijos

Irene disse...

as correntes são de algodão doce
e quando pensas que chega o fim
olhas para trás
e quando olhas novamente em frente
vês o fim adiado
a vida é sempre luta
por isso não desistimos
a dor nunca é mais forte
quando se procura a ternura
não há perdão
porque simplesmente não há culpa

beijo

elsa disse...

Está atento aos sinais... eles levar-te-ão à LUZ

BlackRose disse...

não é fácil obter o perdão, é preciso merece-lo.
os sinais indicar-te-ão o caminho certo:)
**

Ana disse...

Só pode haver necessidade de perdão, se houver culpa. Que culpa pode haver em quem procura a luz, como tu?
Nessa procura se hão-de quebrar as correntes , se há-de apagar a dor.

As palavras são fortes, como sempre as tuas.
Um beijo grande, Daniel.

Kalinka disse...

Dei por mim a pensar que já ri com vontade, já nadei até perder o fôlego, já chorei até adormecer e acordei com o rosto cheio de marcas que tentei disfarçar; já falei sozinha com o espelho, que já quis ser médica, escritora, actriz ou pintora.
Dei por mim a pensar que já fui criança que joguei às escondidas, inventei amigos, já andei à chuva e senti-me livre. Já estive até altas horas da noite a fazer confissões aos meus amigos ou a ouvir as deles.
Dei por mim a pensar que já rimos e chorámos juntas… dei por mim a pensar que já confundi sentimentos e segui talvez pelo atalho mais complicado e nele caminhei pelo desconhecido…já chorei a ouvir músicas, já tentei esquecer pessoas mas conclui que essas são as mais difíceis de esquecer...

Bom fim de semana.
Beijo.

ConchitaMachado disse...

É sempre com imenso prazer que estou neste seu Espaço que muito admiro, Daniel Aladiah!

- E, de repente... faz-se Luz!**

Seja sempre Bem-Vindo.
Desejo lindo e Bom fim de semana
Beijinho

Alba disse...

Daniel, o teu poema é um magnífico salmo, dilacerante, a forma como de diriges a Deus...Bom fim de semana :)

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu amigo,

Forte, mas bonito estas suas palavras, como sempre carregadas de forte emoção.
Adorei!
Aproveito para lhe desejar um lindo fim de semana e uma semana cheia de luz em seu coração.
Xi - corações mil.

Reflexos de memoria disse...

Não sei se tenho que pedir perdão tb...talvez, não sei! Mas, todas as outras tuas palavras se encaixam neste preciso momento da minha vida...
Um beijo querido Daniel
Fica bem

Laura Antunes disse...

Li um dia qualque coisa assim:

Meu Deus tu que dissete sempre me acompanhar, na verdade smp encontrei as tuas pegadas junto às minhas no decorrer do meu caminho.
Porque razão agora Senhor nesta pior fase não as vejas mais?
E Deus respondeu:
Na altura em que caminhei ao teu lado sem que me visses as minhas pegadas na areia te chegaram. Pensas que te iria abandonar neste periodo tão mau? A razão pela qual não vez minhas pegadas é porque o par de pegadas que hj vez na areia são as minhas porque eu te carrego, carregando a tua dor...
A luz doce amigo já te o disse, está em ti, tal como Deus...
Estou aqui Daniel...

Catty disse...

Sou uma fã 100% da tua escrita ...nem sabes como foi importante este dia para mim...o meu mundo desabou na minha cabeça....descobri q sou traida pelo meu marido...este teu texto revela parte do meu sentimento...
OBRIGADA
(agora o meu sorriso é triste e esmorecido, mas ele há-de voltar, o marido e o sorriso)

beijo