29 setembro 2006

Sob pressão

E é nesta calma aparente, que tudo ficou em causa…
Um período longo de expectativa, em que os relâmpagos se sobrepõem, todos belos e assustadores, atraindo a minha atenção…
As nuvens parecem afastar-se, sopradas pela vontade de vencer. Mas nunca o guerreiro esteve tão cercado. A sua experiência de batalha permite que não soçobre. As forças ainda não o abandonaram, mas precisa, urgentemente, de respirar…
É tempo de encaixar as peças da renovada construção. Ainda lhe falta a estabilidade que a sua imaginação projectou, sabendo que foi só mais um dia e uma noite, e outra alvorada se apresenta.

14 comentários:

gato_escaldado disse...

Excelente texto poético, que muito apreciei. Escreves muito bem...

Abraços

Luna disse...

O verdadeiro guerreiro, vai vencendo uma batalha de cada vez,
um dia a guerra sera ganha, e a paz chegara
beijinhos

Alexandra disse...

De alvorada em alvorada até ao objectivo final!!! Poderá ser atingido mais cedo ou, mais tarde mas, a meta será ultrapassada!

Beijo

Bom Domingo!

dreams disse...

mas é sob pressão que o guerreiro se sente em sintonia com o que o rodeia... e só assim está preparado para o próximo passo...

um beijo doce *
“·.¸Dreams¸.·”

Cristina disse...

Uma batalha de cada vez, até conseguir conquistar tudo
:)
tem uma boa semana Daniel, e um beijinhu

Laura Antunes disse...

Não vou dizer que sim e porque sim e tal e coisa. Não vou te dar força por palavras, não te vou dar nada, porque de mim já tens tudo. Não vou mostrar um sorriso lindo nem fazer piruetas ao luar, porque a nossa musica nao se ouve e a nossa dança não se vê. Apenas deixo a luz acesa para te guiar no caminho esperando que os meus pensamentos e desejos te sirvam de conforto. Apenas continuarei a ser eu, na esperança que tu tambem o faças. Não sei o que dizer...Beijo

RealSmile disse...

Passo a passo, dia a dia vamos contruíndo o presente futuro e vencendo batalhas.. é a nossa aprendizagem.. *

poeta_silente disse...

Querido!
Estamos, sempre, vivendo sob pressão.
A vida é uma eterna batalha. A cada dia, a cada hora e minuto, precisamos nos guarnecer de forças e estratégias, com o fim de vencer. Vencer a próxima etapa. E suportar as tristezas e desilusões, causadas pelas pessoas que encontramos na caminhada.
Sabes, João? Num dia pensas ter encontrado amigos, no outro, logo a seguir, olhas ao lado e vês que eles n estão mais contigo. Num dia, olhas e vês, caminhando contigo, uma pessoa especial, um serviço especial, um fato especial.. no outro, já não estão mais ali.
Pois, é neste exato instante, que interiorizas que a batalha é tua, somente tua. E que as forças, caso acabem, são as tuas, somente as tuas.
Tudo é passageiro nesta vida. Menos os sentimentos, para aqueles que são verdadeiros. Estes ficam, moldando-nos para o futuro. Estes não morrem. Sejam sentimentos de amizade, maternal, filial, pelo companheiro, etc. Sentimentos não se medem... portanto, não se apagam. Eles completam a jornada conosco. Formando-nos dia a dia, na constante luta pela vida.
Para ajudar-nos? Chamamos os anjos que falas abaixo. Eles estarão sempre ali.

Beijinhos
Miriam

Su disse...

numa calma aparente ..deixo.te mil jocas maradas ...de mar

Jota Effe Esse disse...

Nada melhor para um guerreiro que um dia depois do outro com uma noite no meio. É na escuridão da noite que ele enxerga seu próximo passo. Abraços.

Betty Branco Martins disse...

Querido Daniel

Voltei!!!

Obrigada pela tua visita. Passarei mais tarde para matar saudades da tua escrita.

Beijinhos

Lady Askani disse...

Ola!
Obrigada por ter voltado a visitar o meu cantinho :)
Beijinhos

Litinha disse...

Daniel,

Uma e outra alvorada, tantas quantas as necessárias para que o objectivo seja atingido... o importante é não fraquejar... o verdadeiro guerreiro não desiste e ainda que caia, voltará a erguer-se e a continuar a sua batalha...

Esta música é lindissima, "combina" com este espaço e com as tuas palavras!

Boa semana.
Um beijo.

Vanda disse...

A pressão às vezes ajuda a seguir em frente. É muito bonito o texto.