17 maio 2011

Sintonia


Por laços etéreos ligados,
somos partes do mesmo Deus.
Se o que não sou escolhi ser,
então assumo que o sou.
E não há que temer,
deixo os medos nas mãos assassinas da alegria.
Porque o amor brilha,
a luz sente-se
e a palavra salva.

7 comentários:

Moonlight disse...

Querido amigo,

Somos um todo...feito de nada em constante mutação.
È sempre tempo de renascer.

Bjinho cheio de luar

Anónimo disse...

________________________________


...sim! Escolher a alegria e trilhar o caminho... Haveremos de chegar ao lugar que procuramos a tanto tempo!

Que bela mensagem!


Beijos de luz e o meu carinho...


Zélia (Mundo Azul)

_________________________

© Piedade Araújo Sol disse...

pois somos sim, parte do mesmo Deus
e fazes bem em deixar o medo para as mãos da alegria.

gostei muito!

bom fim de semana!

beij

Anjo De Cor disse...

Palavras que nos fazem renascer e pensar ;) Beijinhos, gostei muito como sempre*

tulipa disse...

A PEDIDO DE ALGUNS AMIGOS
vou fazer a
1ª EXPOSIÇÃO EM LISBOA

das tais fotos da ÍNDIA
que já estiveram expostas por 5 vezes em lugares bem diferentes.

Desta vez espero a sua visita.

E, se puder divulgar aos seus amigos e conhecidos eu agradeço, porque já não vou expôr mais vez nenhuma em Lisboa.


Aproxima-se mais um grande momento na minha vida.

Será a 1ª EXPOSIÇÃO EM LISBOA

e a 1ª EXPOSIÇÃO DE 2011

Pelo espaço em si, adivinha-se algo diferente do que já foi feito até hoje.

Desta forma CONVIDO todos vós,
que me acompanham pela Blogosfera desde 2005.
Uns desse tempo e outros mais recentes,
mas cá vamos andando,
sem desistir e isso é o mais importante nesta vida dos blogues.

Quem achar que tem interesse em visitar, faça o favor de aparecer.

Prometo um atendimento personalizado da minha pessoa, como tenho feito nas anteriores exposições.

Vou estar presente no DIA DA INAUGURAÇÃO
- HOJE - sexta-feira - 27 de MAIO pelas 22 horas.

Serão 3 semanas que estará patente ao público.

Um abraço.
(peço desculpa pela minha visita rápida, mas hoje ando apenas a fazer o convite e divulgação da exposição, depois passarei com mais calma para ler e comentar)

Ana disse...

Em sintonia com o essencial. O renascer da luz.
Um beijo, querido Daniel *

Sandra Daniela disse...

E que essa luz te cobra sempre... Nunca desistas dela!!!
:-)